Notícias

Segredos essenciais para gestão de rádios!

O ouvinte, muitas vezes, nem imagina a quantidade de trabalho envolvido em uma emissora de rádio para levar até ele aquela música que tanto o alegra. Quem empreende nesse segmento sabe que muitas vezes essa tarefa não é simples, mas existem algumas formas de melhorar a gestão de rádios, fazendo com que a empresa apresente melhores resultados.  Saiba mais sobre o assunto!

Qualidade da transmissão

Para conseguir anunciantes, uma emissora de rádio tem que garantir ao patrocinador que sua mensagem será ouvida, por isso a qualidade de sinal é tão importante.

Muitas empresas buscam economizar em seus equipamentos, adquirindo itens já obsoletos, mas esses equipamentos têm difícil manutenção.

Ou seja, a rádio pode ficar fora do ar enquanto se procura alguém capacitado para realizar o conserto? Sem dúvidas, um grande prejuízo.

Treinamento de funcionários

A tendência do segmento de comunicação é operar com cada vez menos colaboradores. Isso exige dos profissionais uma postura multitarefa.

Nesse caso, cabe à empresa oferecer treinamento adequado para que os funcionários saibam lidar com os novos desafios.

Uma rádio de notícias que decidiu que os próprios locutores vão operar a mesa de som não pode exigir que eles já saibam como realizar essa tarefa

Investindo na internet

Muitos falavam que a TV acabaria com o rádio, mas, como sabemos, isso não ocorreu. As tecnologias somam-se e abrem novas possibilidades para empresários, por isso as rádios devem ter uma estratégia de comunicação voltada para o ambiente digital.

A interação com o público deve ocorrer pelas redes sociais — enquetes, por exemplo — além de disponibilizar os programas na íntegra, em um site oficial, o que pode aumentar o interesse dos anunciantes.

Pense na internet como uma grande aliada da sua rádio, e não como uma inimiga.

Seus locutores são patrimônio

Em tempos de crise, a solução encontrada por algumas empresas é realizar demissões, sem levar em conta que os ouvintes se identificam com os locutores.

Cuidado com essa estratégia. É claro que mudanças podem ser realizadas, mas com planejamento. Se possível, faça pesquisas com o público-alvo para identificar se as alterações na programação são bem-vindas.

O ouvinte conhece sua rádio pela voz do locutor, e muitos comunicadores transformam seus programas em sucessos de audiência e faturamento.

Quando um programa sai do ar, sem prévio aviso, é possível que ouvintes e anunciantes sintam-se desrespeitados.

A gestão de rádios pode ser mais simples se a empresa tiver um planejamento de seus passos. Investir em tecnologia para melhorar a qualidade do sinal traz segurança à programação e evita gastos recorrentes com manutenção, além do constrangimento de ficar fora do ar — o que pode afastar os anunciantes.

É natural que, com o avanço da tecnologia, algumas funções deixem de existir, mas nem todos os profissionais sabem lidar com um acúmulo em suas responsabilidades. Nesse caso, investir em treinamento pode ser uma saída interessante.

Valorize seus profissionais, afinal, eles também são responsáveis pelo sucesso da empresa.

Fonte: Teletronix.