Dicas para potencializar a locução comercial

Você já ouviu aquele comercial de rádio que mais parecia uma notícia informativa? Para transmitir emoção, reforçar a marca e mexer com a imaginação do ouvinte, é fundamental que o locutor explore as variações interpretativas e emolduramentos sonoros a cada conteúdo apresentado, de forma correta, para a eficiência da comunicação. Na locução publicitária, por exemplo, ter uma voz flexível é uma característica essencial, como explica a fonoaudióloga e consultora de voz profissional, Daniela Almeida.

“Ter flexibilidade da voz, de entonação, frequência e dinâmica de ritmo, favorece para que se tenha uma expressividade em diferentes anúncios. Eu elencaria a flexibilidade da voz como a principal característica da locução comercial”.

É essencial que o locutor tenha em mente que a locução publicitária tem o objetivo de reforçar a história da marca, seu posicionamento e público. “Por isso a flexibilidade da voz é tão importante, além de uma velocidade de fala mais pausada e com uma intenção. Este tipo de locução exige a questão da imaginação, do conceito da marca e, por isso, uma interpretação e uma flexibilidade de voz e de fala muito maior”, afirma.

Ou seja, sabendo ajustar a voz e todas as possibilidades de interpretação, é possível criar uma identidade, tanto do estilo do profissional quanto da marca em que ele irá inserir a voz. Reconhecer a própria voz também é fundamental para reforçar a identidade própria do locutor. “Seria uma voz jovem, grave, mais formal? Com esse reconhecimento vocal ele consegue aproximar a marca. Se o profissional não reconhece qual voz ele tem fica difícil criar uma identidade”.

Outro ponto importante é a qualidade do texto. Para a especialista, quanto mais engessado for o texto, menos naturalidade de locução. “Um texto ele precisa ser escrito pensando na fala, na espontaneidade, ele precisa facilitar a naturalidade da locução”.

 Dicas práticas para aprimorar a locução

·         Desenvolvimento constante, seja com curso de locução ou expressividade na área artística;

·          Ler diferentes anúncios, quanto maior o ensaio de diferentes textos, maior flexibilidade da voz;

·         Exercício de trava-línguas para melhorar a clareza da articulação;

·         Criar um estilo próprio de locução de acordo com a sua personalidade;

·    Procurar um trabalho fonoaudiológico para ter condicionamento vocal e melhorar a respiração.

Fonte: AERP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *