SERT/SC realiza encerramento festivo em Florianópolis

Foi um sucesso o evento promovido ontem (24/11) pelo SERT/SC para marcar o fim do ano de 2021. Lideranças da radiodifusão catarinense e parceiros compareceram ao Jazzinn, em Florianópolis, para celebrarem as conquistas do sindicato e testemunharem a passagem da atual para a futura gestão, que tomará posse de forma oficial em janeiro de 2022.

Em seu discurso de abertura, a presidente Ana Paula Melo valorizou a história do sindicato e relembrou ações recentes de grande importância para o SERT/SC e seus filiados. “Capacitamos milhares de profissionais, construímos parcerias, levamos informação, promovemos reflexões sobre o mercado. Somos reconhecidos como uma das melhores e mais atuantes entidades da comunicação brasileira”, ressaltou a presente, que também apresentou os principais projetos desenvolvidos durante o seu mandato.

Em seguida, Thiago Librelato, presidente do SERT/SC Jovem, falou sobre o núcleo de jovens radiodifusores, defendendo sua importância para o futuro da radiodifusão e convocando mais herdeiros de emissoras a se juntarem ao grupo. Depois, outros integrantes do SERT/SC Jovem subiram ao palco, foram apresentados e receberam uma salva de palmas.

Um dos momentos mais emocionantes da noite foi a homenagem surpresa, a diretoria e os filiados e equipe do SERT/SC fizeram para gerente executiva Gédeas Silva. Ela decidiu, após 18 anos de trabalho no sindicato, deixar a entidade para se dedicar exclusivamente aos seus negócios particulares. “Sempre administrei o SERT/SC como uma empresa, tendo muita responsabilidade com o dinheiro do filiado. Foi assim que conseguimos fazer muito com poucos recursos”, disse Gédeas, que recebeu flores e uma placa das mãos do tesoureiro do SERT/SC, Ranieri Bertoli.

Por fim, Humberto Ohf de Andrade, que será o presidente do sindicato a partir do ano que vem, falou dos seus planos para a entidade. “Um dos fatores que leva certas pessoas a ainda encararem o rádio como algo antigo é a legislação. Precisamos lutar pela modernização das leis trabalhistas, que devem evoluir da mesma forma como o nosso setor evolui”, defendeu o futuro presidente. Beto, como é mais conhecido, fez questão de mencionar toda a diretoria que, junto com ele, comandará o SERT/SC até 31 de dezembro de 2024.

 

http://https://flic.kr/s/aHsmXbqFB4

 

Fonte: SERT/SC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *